sábado, abril 21, 2007

Daltónicos e Zeca

3 comentários:

marmanja disse...

absolutamente genial!!
Retrato puro e cru de um alentejo que já nao existe e de um Zeca que já nao canta e de um trigo que já nao cresce

Tonikim da Bouça disse...

turururu! turururu!

van JUNK disse...

muita BOM..........